Pular para o conteúdo

Simular empréstimos: 3 formas de simular empréstimo na internet

Com a novidade no mercado de simular empréstimos na internet, a contratação de valores em situações emergenciais está em alta. Esse serviço promete rapidez e facilidade, sem filas ou burocracias para liberar o dinheiro.

Neste post, vamos mostrar para você três formas de simular empréstimos pela internet, para te ajudar na hora que precisar desse tipo de serviço. Vamos comparar uma forma de simular empréstimos em locais diferentes.

Confira 3 formas de simular empréstimos na internet

1 – Just

Sua taxa de juros é de 2,8% a 7,2% ao mês.

Suas vantagens:

  • Todo o processo de simular empréstimo é online;
  • A liberação do dinheiro para a conta do cliente é feita em até um dia útil;
  • É solicitado apenas documento de identidade e a digitalização é feita pela internet;
  • Empréstimos de até R$ 20 mil e pagamento em até 24 meses.

2 –Creditas

A taxa de juros é de 1,15% (imóvel como garantia) e 2,72% (automóvel como garantia) por mês.

Suas vantagens:

  • É possível simular empréstimos de grandes valores. Oferece empréstimos de grandes valores, mas exige garantias como imóveis ou automóveis, o que permite acesso a taxas mais baixas.
  • É possível parcelar por mais tempo – até 60 meses com garantia de automóvel e 20 anos para empréstimos com garantia de imóvel.
  • Oferece empréstimos de até 90% do valor do bem.

3 – Lendico

A taxa de juros cobrada é de 2,4% a 3,8% mensal.

Vantagem:

  • Simulador mostra detalhes sobre parcelas e juros cobrados pela instituição.

Na hora de simular empréstimos, a maioria não já incorpora taxas e encargos extras, que acabam encarecendo mais o valor final do financiamento.

Passos para contratar um empréstimo pessoal online

O procedimento para contratação de empréstimo pessoal online é parecido nos sites mostrados acima. Inicialmente é preciso fazer um cadastro – alguns oferecem, na hora de simular empréstimos, o serviço de simulação dos juros.

Em seguida o contratante precisa informar dados pessoais, profissionais e financeiros, além de informações sobre quanto precisa, qual a finalidade do dinheiro e o número de parcelas da quitação. As instituições parceiras fazem uma análise do pedido e entram em contato com uma proposta que pode ser aprovada ou não.

Se o acordo for fechado, o contratante precisa enviar alguns documentos. A instituição gera os boletos bancários ou cadastra o débito em conta. Por fim, o dinheiro é liberado. Dependendo da instituição pode ser no mesmo dia ou nos dias seguintes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat